quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Vem! Vem! Vem!


Eu nunca fui vítima das minhas próprias loucuras. Nunca pratiquei nenhum ato que fosse fruto da minha própria irresponsabilidade. Desta vez eu sou a senhorita loucura, o desejo de tentar e a coragem para me permitir errar. Sou, na verdade, total esperança.


Eu nunca tive tanto medo de errar como agora, talvez porque nunca tivesse tido antes essa tamanha vontade de tentar.


domingo, 5 de dezembro de 2010

Simplicidade


“Que ninguém se engane, só se consegue a simplicidade através de muito trabalho.”


Clarice Lispector